Curso Engenharia Industrial Madeireira

Curso de Engenharia Industrial Madeireira é voltado para profissionais que buscam se aperfeiçoar na área florestal. Essa formação teve início a partir de uma matéria do curso de Engenharia Florestal e hoje se tornou o curso superior específico, focado nos cuidados do ambiente madeireiro.

Curso Engenharia Industrial Madeireira. (Foto: Divulgação)

O engenheiro industrial madeireiro tem o objetivo de trabalhar no processamento da madeira, visando agrupar o conhecimento com a natureza e contra desperdício. O seu conhecimento não vale apenas para lidar com a matéria-prima, mas sim com todo o processo industrial.

Leia mais: Curso de Engenharia Industrial

Curso Engenharia Industrial Madeireira

Por se tratar de um curso novo, muitas pessoas desconfiam do profissional e prejudicam o mercado de trabalho, no entanto, as conscientizações das empresas vêm se tornando notória devido ao crescimento do desmatamento e nos problemas ecológicos.

O engenheiro industrial madeireiro está bem longe de ser um marceneiro graduado. Ele na verdade cria soluções adequadas as organizações, de maneira a que transformam o meio industrial, visando certificações nacionais de preservação ambiental e conscientizações ecológicas.

O curso prepara para trabalhar na indústria madeireira. (Foto: Divulgação)

Ainda, o profissional pode trabalhar dentro das organizações na área de administração dos trabalhos, marketing dos projetos voltados para o meio ambiente, além da logística dos processos da madeira e a atuação de campo, através de pesquisas e extensões na área. Podendo inclusive, trabalhar com outras áreas voltadas ao estudo, como a Engenharia Florestal, por exemplo.

Veja também: Graduação em Engenharia de Produção

O Curso Engenharia Industrial Madeireira, com duração de 5 anos, habilita o profissional para realizar diversas atividades, como a criação de novos produtos, gerenciamento de projetos, consultoria, pesquisa e até mesmo comércio internacional de madeira. O salário inicial supera, tranquilamente, a média de 3 mil reais por mês.

Onde fazer Engenharia Industrial Madeireira?

Confira a seguir algumas instituições de ensino responsáveis por formar o engenheiro industrial madeireiro:

UFPR – Universidade Federal do Paraná

A UFPR oferece o curso de Engenharia Industrial Madeireira. (Foto: Divulgação)

O curso da UFPR começou a funcionar em 1999 e formou os seus primeiros engenheiros no ano de 2004. Desde então, a graduação tem despertado o interesse de muitas pessoas que desejam trabalhar na indústria madeireira. O conteúdo programático abrange diferentes temas, como cálculo, física, desenho técnico, químicas de madeira, energia da madeira, estruturas de madeira, entre outros. A formação acontece no campus de Curitiba.

UFES – Universidade Federal do Espírito Santo

Dentre as instituições de ensino que fornecem o curso em sua grade de cursos, pode-se destacar o curso de engenharia industrial madeireira da UFES – Universidade Federal do Espírito Santo, no qual, o acadêmico terá que cursar 5 anos de ensino, dos quais, terá em sua grade, ensinos de biologia, física, química e matemática principalmente. A grade de ensino pode ser visualizada clicando aqui.

UNESP – Universidade Estadual de São Paulo

A duração do curso é de 5 anos. (Foto: Divulgação)

Outra organização de ensino muito valorizada é o UNESP – Universidade Estadual de São Paulo que oferece o curso de engenharia industrial madeireira que é realizado na cidade de Itapeva, que tem um potencial grande no setor madeireiro e por isso a profissão é bem valorizada no meio. O curso tem período de 5 anos e visa a qualificação do profissional para trabalhar no mercado de trabalho, atendendo as principais necessidades impostas pelo mercado. O curso da UNESP é conceituado, se tornando inclusive um dos maiores e melhores do país.

Saiba mais: Engenharia Florestal: a profissão do futuro

Conhece o Curso Engenharia Industrial Madeireira? Tem algum comentário? Participe e poste sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *