Curso de Tripulante Operacional 2011

Cursos de tripulante operacional são essenciais para que os praças e oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros possam trabalhar em helicópteros. Normalmente são ministrados por militares que tenham a devida qualificação aeronáutica. O Tripulante Operacional é responsável pela guarda da aeronave quando esta se encontra pousada fora da sede. Ele também é quem realiza o tiro embarcado (para os Policiais Militares) em caso de necessidade em operação e auxilia os pilotos na navegação aérea segura, informando obstáculos no solo, aves na rota e aeronaves nas proximidades.

Essas são as principais técnicas que o tripulante operacional da Polícia Militar deve dominar, segundo o site do Comandante Duton, Oficial Superior da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro:

Realizar embarque e desembarque do helicóptero voando a baixa altura;

Realizar descidas de rapel do helicóptero;

Realizar deslocamentos aéreos utilizando a técnica do Cabo McGuire;

Realizar deslocamentos aéreos utilizando a técnica da preguiça;

Dominar técnicas de nós e laçadas;

Realizar com precisão o tiro embarcado com armas longas (fuzil).

Há um curso, em Goiás, cuja inscrição está aberta. Confira o edital:

Conforme Portaria 05/2011 do Comandante Geral estarão abertas do período de 20/06 a 01/07 as inscrições para o 2° Curso de Operações Aéreas, as inscrições serão realizadas no CRH/3.

O Curso de Operações Aéreas (Tripulante Operacional Multimissão), visa o preenchimento de 44 (quarenta e quatro) vagas, sendo 33 (trinta e três) vagas para a PMGO e 11 (onze) vagas para as Coirmãs.

São dez vagas para o GRAER, quinze para o 1º e 2º CRPM e oito para os demais CRPMs. Serão disponibilizadas vaga para Corporações Coirmãs, que serão preenchidas por candidatos selecionados pela própria Polícia Militar a qual pertencem e os nomes dos indicados oficialmente deverão ser encaminhados ao Comando de Ensino da PMGO, até a data do resultado final.

O Curso será realizado na Academia de Polícia Militar – APM, com previsão de duração de 02 (dois) meses.

As inscrições serão feitas na Terceira Seção da Chefia de Recursos Humanos – CRH/3, localizada no Quartel da Ajudância Geral, no horário de expediente.

Para efetivar a inscrição, o candidato deverá preencher os pré-requisitos:

a.    Ser Praça do QPPM com no máximo 20 (vinte) anos de serviços prestados;

b.    Estar classificado no mínimo no “Bom Comportamento”;

c.    Não estar sub-júdice ou cumprindo pena por crimes e/ou transgressões disciplinares que atentem contra a honra, a moral e o pundonor policial militar.

O Militar deve estar ciente e concordar por meio de declaração no ato da inscrição, que ao término do Curso será transferido para o Grupo de Radiopatrulha Aérea – GRAer, por tempo indeterminado, a critério do Comando Geral, visando atender as necessidades operacionais e administrativas daquele Grupo.

A Seleção do II Curso de Operações Aéreas (Tripulante Operacional Multimissão), constará de quatro etapas:

1.    Inscrição de candidatos;

2.    Junta Médica de Saúde – JCS (eliminatório);

3.    Teste de Avaliação Física – TAF Padrão Profissional (eliminatório e classificatório);

4.    Teste de Habilidade Específica – THE, (eliminatório).

Faça o download da portaria n.º 05/2011-CRH/3, completa clicando aqui:

http://www.pm.go.gov.br/PM/portal/upload/hpBDE.tmp.pdf

Informações:

CRH-3 – (62)3201-1809

GRAER – (62) 3201 – 1696

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *